-

UPB vai debater criação de CPMF com deputados federais baianos

26 de outubro de 2015
158 Acessos

Prefeitos das principais cidades do Brasil participaram de reunião com a presidente Dilma Rousseff (PT), na última semana, em Brasília, para discutir a colaboração que darão na aprovação da nova CPMF no Congresso, s mas não chegaram a um consenso. Isso porque, a Frente Nacional dos Prefeitos, que reúne os alcaides das capitais e cidades com mais de 200 mil habitantes, afirmou que só apoia a proposta caso os recursos sejam repartidos entre Municípios, Estado e União, além de serem exclusivamente destinados para a saúde, área bastante afetada com a crise. Nova rodada de negociação fica para amanhã.Quem esteve no encontro foi a presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB), a prefeita de Cardeal da Silva, Maria Quitéria (PSB). Segundo ela, a maioria dos prefeitos entendeu que pode colaborar na aprovação desde que os recursos sejam repartidos entre municípios, Estados e União. Ela entende que houve, sim, um consenso. “Queremos uma solução que seja boa, e a solução apontada pelo governo foi a volta da CPMF. Inicialmente chegamos, sim, ao consenso de que precisamos de aporte financeiro para os municípios fecharem as contas. Não temos dinheiro para 2016”. Segundo Quitéria, dia 05 de novembro os presidentes das associações de prefeitos se reunirão com deputados para ouvi-los e saber como eles pensam. “E aí a próxima reunião com os presidentes das associações de prefeito do Brasil será dia 19 de novembro. Essa do dia 5 já fechamos que seria para ouvir os parlamentares”, frisou. Na Bahia, a presidente da UPB pretende realizar uma audiência pública com os parlamentares federais para ouvi-los. “Temos que ouvir todo mundo para saber se vai criar essa CPMF ou não. Porque o que escutamos é de que as chances são mínimas. Então, qual outra alternativa de curto e médio prazo? Se os municípios abrem falência, vai ser um caos total”, declarou. Ela destaca ainda a situação da seca no Nordeste, principalmente na Bahia e em Pernambuco. “Precisa ter mesa de dialogo urgente pra fechar acordo e ir pra reta final para salvar as finanças e o país não entrar em colapso. A situação do nordeste continua com estado de emergência da seca, e precisamos continuar as ações e tudo depende de recurso. Precisamos estar unido por uma questão comum: tirar o país dessa situação”.

Tribuna da Bahia

Deixe seu comentários

NEM TE CONTO

Competição de Mountain Bike cresce na Bahia e pode ajudar turismo
Mais noticias
0 shares83 views
Mais noticias
0 shares83 views

Competição de Mountain Bike cresce na Bahia e pode ajudar turismo

portbahiadez10 - 19 de abril de 2019 - 10:26:15

Chegando à sua 5ª edição, O Suba 100 MTB - Inselberg Challenge movimenta os municípios de Santa Teresinha, Itatim e…

Quatro homens que levavam corpo em carro morrem em confronto com a PM
Mais noticias
0 shares233 views
Mais noticias
0 shares233 views

Quatro homens que levavam corpo em carro morrem em confronto com a PM

portbahiadez10 - 18 de abril de 2019 - 06:10:51

Quatro homens morreram após uma troca de tiros com a polícia de Santo Amaro, no Recôncavo da Bahia, na tarde…

Adab realiza campanha de prevenção contra peste suína clássica
Mais noticias
0 shares58 views
Mais noticias
0 shares58 views

Adab realiza campanha de prevenção contra peste suína clássica

portbahiadez10 - 18 de abril de 2019 - 04:01:15

A Bahia é considerada zona livre de Peste Suína Clássica (PSC). Mas, recentemente, alguns estados nordestinos registraram casos da doença.…

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Os comentarios sao de responsabilidade exclusiva de seus autores e nao representam a opiniao deste site.