-
Publicidade

Em Belém, Bahia empata sem gols com Paysandu e permanece fora do G4

7 de outubro de 2015
150 Acessos
Em um jogo onde as equipes buscavam uma recuperação, Paysandu e Bahia ficaram no empate em 0 a 0 na noite desta terça-feira (6), no estádio Mangueirão, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O placar zerado levou o tricolor ao seu quinto jogo sem vencer dentro da competição nacional.
Com o resultado, o Bahia foi aos 48 pontos, ocupando a sexta posição.
A próxima partida do Esquadrão será somente daqui há 11 dias. A equipe enfrenta o Oeste, no Estádio José Liberatti, em Osasco (SP)

O JOGO

O confronto entre Paysandu e Bahia começou com uma tentativa do time da casa logo aos 15 segundos de partida. De fora da área, Yago Pikachu arriscou um chute que passou por cima da meta de DOuglas Pires.
João Paulo Penha perde oportunidade clara
Após a tentativa bicolor, o Bahia teve maior domínio da bola e teve uma grande chance aos seis minutos. Railan tabelou com Maxi pela direita e tocou para o meio da área. João Paulo Penha bateu de primeira e a bola passou ao lado do gol.
Um minuto depois, foi a vez do time da casa. Após corte da defesa do Bahia, Aylon ficou com a bola e arriscou de fora da área. Entretanto, a finalização também passou ao lado. Aos doze, o Bahia chegou pelo lado esquerdo com Tiago Real, que cruzou para a área, mas a defesa afastou antes de João Paulo Penha chegar até a bola.
Aos 19 minutos, foi a vez de João Paulo chegar pelo lado esquerdo e tocar para João Paulo Penha. A  defesa do Papão, atenta, mais uma vez afastou. A partida seguiu sem grandes oportunidades até os 33 minutos, quando Roni, em posição irregular, marcou um gol para o Paysandu. A arbitragem anulou o tento da equipe paraense.
Na sequência, a partida se resumiu a lances faltosos entre as duas equipes. O primeiro tempo terminou em um empate sem gols.
Segundo tempo
Yago Pikachu expulso
O segundo tempo iniciou faltoso assim como na primeira etapa. Aos dois minutos, Yago Pikachu agrediu João Paulo Penha e recebeu o cartão vermelho do árbitro Elmo Alves Resende Cunha.
João Paulo acerta o travessão
Com a superioridade numérica, o Bahia ficou com maior posse de bola e quase marcou o primeiro gol. Aos cinco, João Paulo Penha tocou para João Paulo. Pelo lado esquerdo, o lateral arriscou um forte chute que atingiu o travessão. Aos nove, o mesmo João Paulo tentou um chute de fora da área, mas a bola passou longe da meta defendida por Emerson.
Aos 13, o goleiro do Paysandu teve que executar uma grande defesa após chute de Eduardo. Na sequência, aos 14, o time da casa respondeu com um chute forte de Sérgio Manoel, que passou muito perto.
Mesmo com um jogador a mais, o Bahia não conseguia chegar com perigo, enquanto o Paysandu travava as ofensivas tricolores. Aos 30, João Paulo Penha recebeu bola no lado esquerdo da grande área, driblou a defesa e chutou por cima. Um minuto depois, Railan recebeu bola no lado direito do ataque e cruzou. A bola desviou em João Lucas e passou perto de entrar.
Tiago Real recebe cartão vermelho
Logo após a cobrança do escanteio, foi a vez do Bahia perder um jogador dentro de campo. Após fazer falta dura em Roni, Tiago Real acabou sendo expulso.
Com a igualdade em campo, o jogo ficou aberto e o time paraense teve a sua oportunidade. Aos 37, João Lucas cruzou para Leandro Cearense, que cabeceou para defesa de Douglas Pires. Com 40 minutos do segundo tempo, João Paulo Penha fez jogada individual, invadiu a área e finalizou em cima do goleiro Emerson, que rebateu e ficou com a bola.  As equipes tentaram marcar nos minutos finais, mas não obtiveram êxito.

FICHA TÉCNICA:

Série B – 30ª rodada
Paysandu x Bahia
Local: Estádio Mangueirão, em Belém (PA)
Horário: 21h30
Data: 06/10/2015
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Auxiliares: Christian Passos Sorence e Jesmar Benedito Miranda de Paula (GO)
Cartões Amarelos: Aylon (Paysandu) / Paulinho Dias, Jaílton, Douglas Pires, Yuri, Maxi Biancucchi (Bahia)
Cartões Vermelhos: Yago Pikachu (Paysandu) / Tiago Real (Bahia)

Paysandu: Emerson; Yago Pikachu, Dão, Pablo e João Lucas; Fahel, Sérgio Manoel (Luiz Felipe), Jhonnatan e Roni (Misael); Aylon (Edinho) e Leandro Cearense.Técnico: Dado Cavalcanti

Bahia: Douglas Pires; Railan, Robson, Gustavo (Jaílton) e João Paulo; Yuri (Jeam), Paulinho Dias (Souza), Tiago Real e Eduardo; Maxi Biancucchi e João Paulo Penha. Técnico: Sérgio Soares.

NEM TE CONTO

Após 3h, bandidos se entregam e liberam reféns de posto na Santa Cruz
Mais noticias
0 shares63 views
Mais noticias
0 shares63 views

Após 3h, bandidos se entregam e liberam reféns de posto na Santa Cruz

portbahiadez10 - 10 de dezembro de 2018 - 08:47:23

Os 16 servidores e pacientes do Centro de Saúde Osvaldo Caldas Campos, no bairro de Santa Cruz, que foram feitos reféns…

Servidores são feitos reféns em posto de saúde de Salvador
Mais noticias
0 shares87 views
Mais noticias
0 shares87 views

Servidores são feitos reféns em posto de saúde de Salvador

portbahiadez10 - 10 de dezembro de 2018 - 06:37:39

Servidores de um posto de saúde localizado no bairro de Santa Cruz, em Salvador, são feitos reféns na tarde desta…

ACM Neto chega no Festival de Verão acompanhado de namorada e chama atenção do público
Entretenimento
0 shares168 views
Entretenimento
0 shares168 views

ACM Neto chega no Festival de Verão acompanhado de namorada e chama atenção do público

portbahiadez10 - 10 de dezembro de 2018 - 05:42:24

O prefeito ACM Neto chamou atenção em sua chegada no Festival de Verão Salvador, neste domingo (9), mas não somente por…

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Os comentarios sao de responsabilidade exclusiva de seus autores e nao representam a opiniao deste site.